Roberta Campos se apresenta no Tom Jazz em setembro

Padrão

Composições mais maduras, arranjos delicados, produção aprimorada e Roberta Campos cantando ainda melhor.

Assim é seu novo álbum  Diário de um Dia, lançado recentemente pela Deck. Nos dias 7 e 8 de setembro ela volta ao palco do Tom Jazz para mais uma vez encantar a plateia com as músicas do novo trabalho, composto por 12 faixas e que contou com arranjos de Lincoln Olivetti e produção de Rafael Ramos.

No repertório estão as inéditas de sua autoria, Diário de um Dia, E Eu Fico, Sete Dias, que faz parte da trilha sonora da novela Amor Eterno Amor da TV Globo, Rio Sem Água, A sua Volta e Vida Prática do Tempo.

Ela também apresenta inéditas de outros compositores como Meu Nome é Saudade de Você (Paulinho Moska), Carne da Boca (Frejat/Guto Goffi/Mauro Sta Cecilia) e Quem nos Dera (Zélia Duncan/Leoni). E, claro, sucessos do álbum anterior também estão no set list.

Assim, ela relembra algumas músicas de Varrendo a Lua, como a faixa-título, De Janeiro a Janeiro, Mundo Inteiro, Sinal de Fumaça e Estou em Paz Com Você.

E ainda apresenta sua versão para a música A Flor dos Los Hermanos. Roberta subirá ao palco acompanhada do músico Alvaro Alves (guitarra).

 

Roberta Campos no Tom Jazz

Local: Av Angélica, 2331 – São Paulo, SP

Data: 7 e 8 de setembro (sexta-feira e sábado)

Horário: 22h

Ingressos: R$60

Capacidade: 200 pessoas

Sony Music e MZA lançam grandes shows nacionais do Rock in Rio 4

Padrão

A Cidade do Rock foi palco, em 2011, de grandes shows nacionais e internacionais, durante o Rock in Rio. Mais de 100 mil pessoas prestigiaram a quarta edição de um dos maiores festivais de música do país e do mundo.

Em 2012, a Sony Music e a MZA lançam uma coleção de DVDs com as apresentações de seis bandas nacionais que fizeram o público acompanhar os artistas no melhor estilo Party Hard.

A gravadora disponibiliza os shows de Skank, que homenageou Gilberto Gil; Capital Inicial, que lembrou o Aborto Elétrico e o Clash e criticou a corrupção e a violência no país; e Jota Quest, que celebrou, junto ao Skank, Roberto e Erasmo Carlos, e os 15 anos de estrada da banda.

A MZA vem com Detonautas, que lembrou Raul Seixas e recriou a batida de We Will Rock You, do Queen, dividindo a plateia para fazer o bumbo e a caixa; Frejat, que cantou Legião Urbana, Paralamas do Sucesso e Tim Maia; e Titãs & Xutos e Pontapés, cujo encontro histórico entre Rock Brasil e Rock Portugal proporcionou um dos pontos altos do festival.

Todos esses e outros momentos foram capturados em alta qualidade de som e imagem para serem guardados por quem esteve lá e saboreados por quem não pôde estar.

Com informações da Sony Music Brasil