Bon Jovi é homenageado na inauguração do Hall da Fama de Toronto

Padrão
Igor Vidyashev / Air Canada Centre / Divulgação

Igor Vidyashev / Air Canada Centre / Divulgação

Marcelo de Assis

Os veteranos do Bon Jovi foram homenageados no Canadá na tarde do último sábado (2).

Eles foram incluídos no Hall da Fama de Toronto, durante a inauguração do local que recebeu o nome de Air Canada Centre´s Hall Of Fame.

Estavam presentes, o vocalista Jon Bon Jovi, o tecladista David Bryan e o baterista Tico Torres.

Eles ainda realizaram um show para 200 pessoas no local.

Também estavam presentes, os executivos Tim Leiweke (Maple Leafs Sports), Randy Lennox (Universal Music Canada) e Randy Phillips (AEG Live).

O empresário da banda, Paul Korzilius ressaltou que a banda esteve presente no Canadá em 28 concertos desde 1984.

Contudo, o Bon Jovi ainda não conseguiu emplacar no principal Hall da Fama: o do Rock And Roll. Krozilius foi questionado pela imprensa que estava no local sobre este fato, mas fugiu da questão:

“Eu não vou responder a essa pergunta, mas obrigado”, disse.

Bon Jovi: Richie Sambora estaria desabafando em canção?

Padrão
Divulgação

Divulgação

Marcelo de Assis

A guerra continua entre Richie Sambora e Jon Bon Jovi

Pelo menos é o que vai parecer quando você ouvir o novo single do guitarrista Come Back As Me.

Apesar de ter alegado alguns “problemas pessoais” para deixar a banda, Sambora também deu declarações de que o líder do Bon Jovi não gostaria de tê-lo nesta turnê!

Ao analisar a referida canção, duas partes me chamaram muito a atenção:

“O que você quer que eu diga, eu vou lhe dizer qualquer coisa que você queira saber/ Você quer saber sobre a decepção / Eu não assisti o show e o que você quer que eu diga? / Eu lhe dei tudo o que eu poderia dar / Mas tudo não foi o suficiente para que eu deixe viver e deixar viver”

Coincidência, não?

Eis a segunda:

“Apesar de tudo, em tudo o que você vê / se eu morrer amanhã, eu voltarei como eu, não como um Elvis, Deus, Frankie ou Dean / se eu morrer amanhã, eu voltarei como eu”

A frase acima se refere aos “problemas pessoais” do guitarrista.

Ta rolando algum rancor ainda …

Muitos acreditam que, depois desta canção, será muito difícil o retorno de Richie Sambora ao Bon Jovi, que se prepara para os seus shows no Brasil, logo mais em setembro.

Indireta ou não, ouçam e tirem suas conclusões:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=5lmYXmUtxes”%5D