MATHEUS CALLI LANÇA NOVO EP E SURGE COMO APOSTA DA SOUL MUSIC

Padrão

O músico Matheus Calli lança o seu primeiro EP auto-intitulado e desponta como uma grande apostado gênero soul no Brasil.

Matheus Calli

A produção foi assinada por Rique Azevedo e João Milliet (em Desejei) e Marcio Lafico (Só Penso Em Você). Lucas Lima trabalhou no arranjo de cordas, com destaque na versão ao vivo de Pretty Wings, um R&B sofisticado de Maxwell.

Confira o teaser:

[embedvideo id=”4FJLcGDBElU” website=”youtube”]

Anúncios

BANDA CHEIRO DE AMOR ASSINA COM A SONY MUSIC

Padrão

A banda Cheiro de Amor acaba de assinar contrato com a Sony Music Brasil. A nova vocalista do grupo, Vina Calmon e o empresário, Windson Silva, estiveram, ontem, na sede da gravadora, no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, onde foram recebidos pelo presidente da empresa, Alexandre Schiavo.

As primeiras novidades devem surgir logo no ínício do segundo semestre com um CD e DVD.

PAULA LIMA LANÇA NOVO ÁLBUM "O SAMBA É DO BEM"

Padrão

Com 12 anos de carreira solo, a cantora Paula Lima sempre flertou com o samba e emprestou sua voz a diversas canções do gênero. O amor foi aumentando e ela quis fazer um álbum dedicado exclusivamente ao samba.

capa - Paula Lima - O Samba É do Bem

Desde criança Paula ouvia os sambistas clássicos e depois os sambistas de sua geração. Para fazer o disco, passou quatro meses no Rio de Janeiro visitando os compositores, mergulhando na história, escolhendo o repertório. Não foi fácil, depois de ouvir inúmeras canções, chegar nas 12 faixas que compõe o O Samba é do Bem.

As escolhidas trazem as assinaturas de Arlindo Cruz, André Renato, Xande de Pilares, Serginho Meriti e Rodrigo Leite, Ronaldo Barcellos, Mário Sérgio, Serginho SP e Paquera, Pretinho da Serrinha, Claudemir, Gilson Bernini, Sereno, Fred Camacho, Maurição e Gabriel Moura.

O Samba é do Bem foi produzido por Leandro Sapucahy com arranjos de Jota Moraes, Wilson Prateado e Valério Brair,

MARCELO JENECI: ASSISTA O CLIPE "O MELHOR DA VIDA"

Padrão

O cantor Marcelo Jeneci lançou nesta terça (13) o vídeo de O Melhor da Vida, dirigido por Isabel LenzaFernanda Weinfeld.

Gravado na Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo, o músico contou com os bailarinos do Grupo Corpo e a faixa faz parte do seu último trabalho de estúdio De Graça.

Confira:

[embedvideo id=”qaFYwQS8gQQ” website=”youtube”]

MORRE JAIR RODRIGUES AOS 75 ANOS

Padrão

O cantor Jair Rodrigues de 75 anos morreu hoje em sua residência na cidade de Cotia, informou sua assessoria. A família aguarda as autoridades para a realização da perícia e não foi divulgada a causa de sua morte.

Nascido em Igarapava, interior de São Paulo, em 6 de fevereiro de 1939, Jair Rodrigues entrou para o mercado musical em 1962 quando gravou Marechal da Vitória e Brasil Sensacional em um compacto de 78rpm.

Mas sua notoriedade veio em 1964 quando ele gravou a canção Deixa Isso Pra La, que, para muitos, foi o inicio do rap no país e Disparada.

Jair Rodrigues gravou com Elis Regina o álbum ao vivo Dois Na Bossa, que rendeu a ele um convite para apresentar o programa O Fino da Bossa.

Nos anos 80, gravou A Majestade O Sabiá com Chitãozinho e Xororó que foi um grande sucesso comercial.

Os cantores Jairzinho Oliveira e Luciana Mello seguiram os passos do pai, herdando sua grande musicalidade e hoje seguem com suas carreiras consolidadas.

PROMESSA DO SAMBA, DILSINHO CONQUISTA A SELEÇÃO BRASILEIRA

Padrão

 

O talento e carisma do jovem cantor e compositor carioca Dilsinho, promessa da nova geração do samba do Rio de Janeiro, conquistou a nova geração do futebol brasileiro. Os amigos da Seleção Brasileira, que se encantaram com as músicas do sambista carioca, estão se declarando fãs do Dilsinho Futebol Clube.

Até o técnico Felipão não economizou elogios ao talento do cantor.

Andriws Moraes

Assim como todo jovem menino, o músico e compositor também já sonhou um dia em ser jogador de futebol. O cantor “pé quente” acompanhou a Seleção Brasileira de Futebol no jogo amistoso no qual os brasileiros golearam por 5 X 0 a seleção da África do Sul, em março, em Johanesburgo.

O primeiro single de Dilsinho, Já que você não me quer mais está no Top 10 das rádios do país. Somente na última semana, a música já ultrapassou a marca de 20 mil downloads no iTunes.

Na última semana, o cantor fez uma extensa agenda de entrevistas nas emissoras de TV em São Paulo, onde gravou programas como Legendários, apresentado por Marcos Mion, e a despedida de O Melhor do Brasil, apresentado por Rodrigo Faro, ambos da Record. O sambista também gravou o programa Coletivation, da MTV, comandado por Patrick Maia e Kéfera Buchmann.

O CD Dilsinho, que marca a estreia do sambista, chegou às lojas em fevereiro pela Universal Music e, somente em sua primeira semana, ficou no TOP 10 de singles mais vendidos no iTunes, uma marca excelente para um artista estreante.

O álbum conta com a participação do cantor Mumuzinho e produção musical assinada por Bruno Cardoso e Lelê.

[embedvideo id=”afhWSMhyLR0″ website=”youtube”]

MARIA RITA APRESENTA NOVO ÁLBUM EM DOIS SHOWS EM SÃO PAULO

Padrão

Sete anos depois de Samba Meu, Maria Rita acaba de lançar Coração a Batucar, sua segunda incursão pelo mais brasileiro dos gêneros musicais. Ela apresenta seu novo álbum nos dias 23 e 24 de maio no Citibank Hall, em São Paulo.

Antes mesmo de colocar o ‘bloco na rua’, a cantora já possuía mais de 80% do repertório do novo show. “Sou uma pessoa inquieta. Trabalhei durante três meses em sigilo absoluto e conforme o disco ia se desenhando, o show ganhava forma na minha cabeça. Agora faltam apenas os detalhes”, anuncia.

Os ingressos, que custam entre R$ 40 e R$ 240, já estão disponíveis pela internet (www.ticketsforfun.com.br), pelo telefone 4003-5588 (válido para todo o País), nos pontos de venda distribuídos pelo Brasil e na bilheteria do Citibank Hall, em São Paulo.

Animada com o novo trabalho, a cantora conta que não pretende fazer deste show uma réplica do novo CD, mas o foco é realmente o samba. “O samba permeia minha carreira desde o início. Por isso, além das novidades de Coração a Batucar, trago canções do Samba Meu e outras desses 12 anos de estrada. Sou madrinha de bloco, desfilo em escola de samba no Rio e em São Paulo. Já avisei no Facebook que esse disco é para se acabar de dançar, sair com bolha no pé”, brinca.

Com direção da própria cantora, a nova turnê mostra no palco o clima que norteou a produção de Coração a Batucar, gravado praticamente ao vivo, em uma autêntica roda de samba. “A nossa disposição no palco se dará de uma forma que a plateia poderá ver a minha interação com os músicos, sem que para isso eu precise estar de costas para o público”, antecipa.

Liderada por Davi Moraes (guitarra), a banda que a acompanhou em estúdio também vai para o palco, e conta ainda com Alberto Continentino (baixo), Rannieri de Oliveira (piano) e Wallace Santos (bateria).

Os figurinos são do estilista e parceiro de longa data, Fause Haten, que pela primeira vez também assina os cenários de um show. A iluminação fica a cargo de Samuel Betts, o figurino da banda é de Gilda Midani, a execução da cenografia da Tiba Produções, Esequiel Jr. e Mara Cesar, e a produção geral da Tribo Produções.

“O cenário é surrealista e ao mesmo tempo minimalista. Está bem diferente de tudo o que já apresentei, mas é um show que poderei levar para qualquer lugar”, afirma.