Mick Jagger tentou salvar baixista dos Sex Pistols

Padrão
Divulgação

Divulgação

Marcelo de Assis

Em uma bombástica declaração, John Lydon, ex-vocalista da lendária banda Sex Pistols revelou que o líder dos Rolling Stones, Mick Jagger pagou um advogado para livrar Sid Vicious (1957-1979) da cadeia enquanto ele era acusado de assassinato pela morte de sua namorada Nancy Spungen (1958-1978).

Ela foi encontrada morta em um quarto de hotel em Nova York após ter sofrido uma facada no estômago.

O crime ocorreu no dia 12 de outubro de 1978.

Passados 35 anos do ocorrido, Lydon explicou o fato ao Daily Record:

“Nancy Spungen era uma pessoa horrível, horrível, que se matou por causa do estilo de vida que a levou a distriuição e posteriormente a morte de Sid. Eu tentei ajudar Sid por tudo isso e sinto uma certa responsabilidade, porque eu trouxe ele para os Pistols pensando que ele poderia lidar com toda aquela pressão. Ele não podia. A razão pela qual as pessoas consomem heroína é porque eles não podem lidar com a pressão. Pobre Sid…”, disse.

“Se você estiver no caminho para se envolver com drogas e entorpecentes, os acidentes
vão acontecer”, concluiu.

Lydon explicou que o então empresário da banda, Malcolm McLaren não conseguiu ajudar Sid Vicious:

“Ele não sabia o que fazer. Por isso tenho um apreço por Jagger. Então, eu o aplaudo!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s