Isabella Taviani apresenta o show "Eu Raio X" em São Paulo

Padrão

Nome de referência na MPB, tanto ao flertar com os clássicos como ao compor a verve popular de suas canções, a cantora carioca Isabella Taviani está de volta a São Paulo para uma única apresentação, dia 23 de outubro, no Teatro Abril, pelo projeto Nova no Teatro.

Foto: Divulgação / T4F

Os ingressos já estão disponíveis na bilheteria do Teatro Abril, no site da Tickets For Fun, pelo telefone 4003-5588 e nos demais pontos de vendas do país.

Isabella Taviani atualmente divulga seu quinto álbum, o independente Eu Raio X. O trabalho aposta em algumas das marcas que estabeleceram sua sólida carreira, iniciada em 1992, nos bares da noite carioca: a voz límpida, o violão simples e preciso, as melodias ora lineares, ora surpreendentes e as referências ao amor, às vezes cínicas, outras vezes rasgadas: “Verso e frente, eu sou mesmo assim”, resume a cantora na faixa que inspira o título de álbum.

Produzido por André Vasconcellos e gravado rapidamente entre novembro de 2011 e janeiro de 2012, o disco também prima pelo equilíbrio: mantém a assinatura da cantora, mas sem jamais deixar de olhar para os lados: “Na verdade, meu plano era gravar um CD de versões dos Carpenters”, confessa.

No entanto, uma colaboração autoral com a cantora mineira Mylenna deu origem à base do repertório do novo trabalho: quatro composições, além de “Raio X”, escrita pela nova parceira. Também entre os destaques do álbum e do show está Norte, com seu violão ponteado por um slide e a voz característica de Isabella Taviani, atingindo as notas com a serenidade de sempre, sobre uma base de baixo e bateria. Já Estrategista, que no álbum tem a participação de Torcuato Mariano, combina guitarra e piano num  irônico lamento.

Filha de pianista clássica e neta de cantor de ópera, Isabella Taviani cursou canto lírico por seis anos e teatro na Casa das Artes de Laranjeiras, no Rio de Janeiro. Desde então, desenvolve um estilo pautado pela força e melodia envolvente de suas composições.

Sua trajetória artística e pessoal incorpora as fontes de onde se nutriu: Dalva de Oliveira, Elis Regina, Maria Callas, Maria Bethânia e Simone, entre outras.

Com informações da Time For Fun

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s