Planet Hemp terá dois álbuns relançados em vinil no mês de outubro

Padrão

Enquanto o Planet Hemp excursiona pelo país matando as saudades dos milhares de fãs, a Polysom completa a festa lançando em vinil seus dois primeiros álbuns; Usuário (1995) e Os Cães Ladram mas a Carvana não Pára (1997).

Foto: Divulgação

Licenciadas pela Sony Music, as edições sairão em vinil de 180 gramas e com as artes originais. Muito além das letras defendendo a legalização da maconha, o Planet Hemp chamou atenção pela curiosa fusão de gêneros; faziam um rock com muita influência do rap, funk, hardcore e psicodelia.

O vocal do carismático Marcelo D2 ganhava força ao lado de BNegão, que dividiu os vocais no primeiro disco, os riffs da guitarra de Rafael Crespo, que davam o tom roqueiro, e da potente cozinha que tinha o baixo de Formigão e a batida perfeita de Bacalhau.

Fora os integrantes oficiais, o DJ Zé Gonzales e o vocalista Black Alien participaram de Usuário (1995), coroando o álbum de estreia, que teve os hits Legalize Já e Mantenha o Respeito e tornou o Planet Hemp conhecido em todo o país.

Em Os Cães Ladram mas a Caravana não Pára (1997) o Planet Hemp apresentava mais um álbum inovador, acrescentando uma clara influência de samba e bossa nova. Puxado pelo hit provocativo Queimando Tudo, a banda carioca ampliou o sucesso vendendo mais de 250.000 cópias. Um dos grupos que deu a cara dos anos 90, de volta ao melhor formato para apreciação de seus graves e nuances sonoras; o vinil.

Usuário e Os Cães Ladram… serão lançados em outubro pela Polysom, dentro da série Clássicos em Vinil.

Com informações da Batucada Comunicação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s