Pussy Riot: artistas se mobilizam contra a prisão das integrantes da banda

Padrão

Alguns artistas se manifestaram contra a prisão das integrantes da banda Pussy Riot, como o ex-Dire Straits Mark Knopfler, Paloma Faith, Foster The People, First Aid Kit e Gogol Bordello.

Foto: AFP

Elas foram condenadas a dois anos de prisão devido a um incidente ocorrido em fevereiro deste ano, quando elas tocaram em uma igreja ortodoxa de Moscou em protesto ao governo do presidente Vladmir Putin.

A juiza Marina Syrova efetuou a condenação alegando que as integrantes do Pussy Riot “cometeram vandalismo motivado por ódio religioso“.

Para Knopfler, a condenação irá “diminuir a Russia aos olhos do mundo”, como ele descreve em seu comunicado oficial: “Sempre que um regime político ou instituição se recusa a tolerar críticas, se anuncia como repressivo, retrógrado e inseguro. Este veredicto irá diminuir a Rússia aos olhos do mundo e eu condeno a sentença dada a estas jovens e eu apoio o direito de protesto para todos”, disse.

A cantora e compositora Paloma Faith também mostrou indignação através de sua página no Twitter sobre a decisão da justiça russa: “Inacreditável a injustiça”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s