Google sofre críticas das gravadoras por não impedir o download ilegal

Padrão

A empresa Google vem sendo criticada pelas gravadoras por não inibir a forma de download ilegal. Segundo um relatório da IFPI (Federação Internacional da Indústria Fonográfica), a gigante dos motores de busca precisaria se empenhar mais para que os downloads ilegais não continuem acontecendo.

As informações foram veículadas pela BBC de Londres e publicadas no semanário inglês The New Musical Express. Para a IFPI, o Google tem uma “responsabilidade especial” para proteger os direitos autorais das músicas e, ainda afirmou que as promessas de combater tais infrações ainda permanecem “inativas”.

Apesar de tudo, a IFPI considera que o Google tomou medidas apenas modestas para lidar com o problema e pede mais empenho por perte da empresa. Em comunicado oficial, a IFPI advertiu: “O Google também precisa fazer mais para garantir que os rendimentos com atividade ilegal não ocorram e que a empresa apoie o mercado digital do qual ela mesma é uma participante”, informou.

Em novembro, o Google lançou o “Google Music Store“, um serviço de vendas de músicas digitais com o catálogo de importantes nomes da música como o Coldplay e The Rolling Stones.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s